4 de fev de 2013

Confira '' iOpen An Arts Gallery '' , sexto episódio de iCarly Continues!


E essa foi a transmissão do nosso mais novo quadro , chamado 50 Tons de Nojeira , baseado no livro 50 Tons de Cinza. Até a semana que vem! – diz Carly , finalizando mais uma edição do web show iCarly. Acho que esse foi um dos quadros mais engraçados que transmitimos. O que acham de continuarmos escrevendo roteiros para o quadro 50 Tons?– diz Sam , demonstrando interesse em continuar com o quadro cômico. Acho uma boa ideia! Na próxima reunião , discutimos isso! – opina Carly em relação ao quadro. Ok , porque agora preciso ir na cozinha matar meus 50 Tons de Fome! – diz Sam , fazendo Carly , Freddie e Gibby gargalharem.


Carly e Freddie estão prestes a completar um mês de namoro e como comemoração , os dois irão viajar para Lima , Ohio , nos Estados Unidos , no intuito de presenciar um jantar com os familiares de Freddie , acompanhados da Senhora Benson , mãe do menino , que está morrendo de orgulho com o namoro do filho. Já está arrumando as malas , amor? – pergunta Freddie , entrando no quarto de Carly. Estou sim , você já arrumou as suas? – pergunta Carly , dando um beijo no namorado. Sim , arrumei hoje de manhã , mas estou levando poucas coisas. Vamos ficar apenas por três noites! – diz Freddie , enquanto Carly continua arrumando suas coisas. Eu também não estou levando muitas coisas , apenas o necessário. Temos que estar que horas no aeroporto amanhã? – pergunta Carly , aparentando estar animada com a viagem. Temos que estar no aeroporto as 8:00 da manhã , portanto devemos estar saindo de casa as 7:00 , considerando que o voo acontece as 9:00 – explica Freddie , pacientemente. E são quantas horas de voo? – pergunta Carly , que não gosta de ficar muito tempo em ambientes fechados. Fica tranquila! São apenas uma hora e vinte minutos de viagem , mais ou menos – diz Freddie , tentando tranquilizar a namorada. Que bom! Não foi legal quando eu entrei em pânico naquela cabine de preparação espacial ou quando eu fiquei louca naquela caixa terapêutica com a Sam e a mãe dela. Foi um caos! – comenta Carly , relembrando as duas vezes em que ficou desesperada em ambientes fechados. Relaxa , nada disso vai acontecer! Você já viajou de avião em trechos mais longos , uma hora e vinte minutos não são muita coisa! Estou indo na auto escola buscar o meu resultado e se eu passar , pego minha carteira de motorista na semana que vem! – diz Freddie , animado por poder dirigir em breve. Ok , boa sorte amor! Até mais tarde! – diz Carly , beijando Freddie novamente , prosseguindo arrumando suas malas para a viagem , que acontecerá na próxima manhã. Algumas horas depois...

O que está fazendo , Spencer? Confesso que é estranho ver você fazendo coisas que não sejam criar esculturas bizarras , assistir TV ou comer! – diz Carly , curiosa em saber o que o irmão está fazendo. Estou apenas verificando essas papeladas antes de assinar! – diz Spencer , como se fizesse isso com frequência. Não combina com você! Mas sobre o que são essas papeladas? – instiga Carly , curiosa como de costume. Não posso contar ainda , mas quando chegar a hora certa eu te conto! – diz Spencer , concentrado nos papeis e fazendo suspense. Você sabe que eu sou curiosa. Me conta logo , Spencer! – diz Carly , morrendo de curiosidade. Não! Quando você e Freddie voltarem de viagem , eu te conto! – diz Spencer , escondendo a papelada da irmã , que estava posicionada atrás dele , tentando ler as coisas que estavam escritas nos papeis. Tudo bem então , seu chato! – diz Carly , finalmente desistindo de desfazer o suspense criado pelo irmão. Na manhã seguinte...

Bom dia , Spencer! Eu , Freddie e a mãe dele estamos viajando para Lima , Ohio. Vamos participar de um jantar com os Benson , os familiares do Freddie. Na quarta-feira de manhã estaremos de volta , beijos! – diz Carly , arrastando a mala pelo apartamento do irmão , que estava tomando café. Tchau , Carly! – grita Spencer , com a boca cheia de banana e cereais. Qualquer coisa , liga pro meu celular! – diz Carly , fechando a porta do apartamento. Quando Carly fecha a porta do apartamento do irmão , se depara com Freddie e a Senhora Benson com suas duas malas esperando a menina para descerem no elevador. Os três descem e chegam na portaria do Bushwell Plaza , onde o motorista do táxi se encontra aguardando e o trio segue caminho ao aeroporto. Os três conversam sobre a mais recente conquista de Freddie , o menino acaba de tirar sua carteira de motorista! O trio chega ao saguão do aeroporto , onde pegam suas malas e se despedem do motorista do táxi. Entram no aeroporto , fazem o check-in , aguardam na sala de espera e pegam o voo para Lima , Ohio , que como Freddie havia dito , dura uma hora e vinte minutos. Os três entram no avião e embarcam tranquilamente para Lima , Ohio. Assim que chegam no aeroporto , pegam novamente um táxi , que os deixa na casa dos familiares de Freddie e sua mãe , localizada bem no centro da cidade. O trio desfaz as malas , se acomoda e Freddie e sua mãe apresentam Carly para os oito familiares deles que moram na mesma casa. Freddie e sua mãe levam Carly para passear pela cidade e quando são 20:00 , eles voltam para o jantar , que estava marcado para começar as 20:30. Os três se arrumam elegantemente e descem as escadas , onde todos já estão postos na mesa , incluindo a comida! Os Bensons começam a questionar Carly e Freddie sobre o namoro dos dois e os mesmos respondem pacientemente , considerando que várias perguntas já foram feitas pelas mesmas pessoas.

Então Carly , como você e Freddie se conheceram? - pergunta Anthony , um dos tios maternos do menino. Eu e ele nos conhecemos no colégio e somos da mesma sala desde o ensino fundamental. Além disso , fazemos o iCarly juntos , como vocês devem saber! - diz Carly. Que bom! Nós sempre assistimos o programa de vocês e achamos todos os quadros muito divertidos! Parabéns! - diz Anthony. Obrigada! - diz Carly , com um sorriso no rosto. Mas como vocês fazem o programa ser tão popular? - diz Michelle , uma das tias maternas de Freddie , entrando definitivamente na conversa. Eu acho que a chave do nosso sucesso é o fato de que , além de nós trabalharmos juntos , somos amigos. Eu , Sam e Freddie somos melhores amigos! - diz Carly. Interessante! E como você e Freddie descobriram que se gostavam? - diz Michelle. Ele sempre se mostrou apaixonado por mim e uma vez , ele me salvou de um atropelamento se jogando na minha frente e eu , como achei que estava apaixonada por ele , acabei ficando com ele algumas vezes. Mas depois descobrimos juntos que eu estava apaixonado pela atitude dele e não por ele. Continuamos amigos e recentemente , descobrimos que nos gostamos de verdade e começamos a namorar - diz Carly. Quantas reviravoltas! E vocês já fizeram aquelas coisas juntos? Sabe do que estou me referindo , não? - diz Michelle , surpreendendo todos na mesa e principalmente Carly e Freddie. TIA MICHELLE! - diz Freddie , bronqueando. Antes que Carly pudesse responder e Michelle dissesse mais alguma coisa , um rato enorme vindo do porão sobe na mesa e assusta todos os Bensons , incluindo Carly e Freddie. Como o rato passeou por cima de todos os pratos postos na mesa , o jantar acabou sendo encerrado antes do esperado , mas Carly , Freddie e os familiares do menino continuaram conversando na sala de estar enquanto assistiam TV. Os dias passam e Carly , Freddie e a Senhora Benson já estão de volta em Seattle.


Chegamos , Spencer! - diz Carly , entrando no apartamento do irmão junto de Freddie e sua mãe. Chegaram na hora certa! Eu quero convidar vocês para participarem da inauguração da minha primeira galeria de artes em Seattle! - diz Spencer , sorrindo. Você está abrindo uma galeria de artes? - perguntam Carly e Freddie em coro. Isso mesmo , meus pequenos! Vamos? - diz Spencer , que continua sorrindo. Eu estou superfeliz com a notícia , mas porque não nos disse antes? - diz Carly. No caminho eu explico! - diz Spencer , indo em direção da porta. Carly , Freddie e a Senhora Benson deixam suas malas na sala do apartamento e acompanham Spencer na inauguração de sua galeria de artes , mas antes passam na casa de Sam para pegar ela , sua mãe (Pam) e sua irmã (Mellanie). Depois , eles passam na casa de Gibby e pegam o menino , sua mãe e seu irmão mais novo. Ainda falta mais alguém para você buscar , Spencer? Eu estou ansiosa para ver sua galeria de artes! Me explica como funciona! - diz Carly , sempre em curiosidade. Não! Mas eu tive que pegar essa van emprestada com o Meião... Eu simplesmente decidi que além de fazer esculturas em casa para encomendas , abriria uma galeria de artes , onde quatro professores de artes contratados por mim ensinarão oito turmas , sendo quatro de jovens e quatro de adultos. Não restam mais vagas para inscrições! Além disso , vamos vender artigos de artes e nessa galeria , estarão as minhas melhores esculturas! - diz Spencer , em um tom animado. Que maneiro! - diz Carly , feliz pelo irmão.

Spencer e seus convidados chegam na rua ao lado do Seattle Mall , onde se localiza a galeria de artes de Spencer , chamada Create Yourself (Crie você mesmo). No local , estão presentes mais ou menos 200 pessoas. Spencer finalmente sobe ao palco da extensa galeria de artes e fala sobre os projetos envolvendo o lugar e depois é parabenizado por todos pela criação da primeira galeria de artes de Seattle!

Nenhum comentário:

Postar um comentário